Uma Aventura

E outras coleções

Em Roma Sê Romano

Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada

Arlindo Fagundes

Editorial Caminho
Coleção , nº16
0 pp
sob consulta

Resumo/Apresentação

Documentos antigos revelam segredos e deixam no ar a suspeita de crime provocado por uma mulher linda de morrer e má como as cobras, mas a quem muitos homens não resistem.

Orlando, Ana e João partem na máquina do tempo à descoberta da verdade e são apanhados num autêntico torvelinho de cenas fortes e de emoções: lutas de gladiadores, paixões proibidas, venenos, fugas, adivinhos em acção, etc, etc. Não escapam porque, como diriam os romanos em latim "alea jacta est" ou seja "os dados estão lançados". E, quando assim é, não se pode voltar atrás. 

Excerto do Livro

Então o homem soltou o pano branco, que flutuou ao sabor do vento. Aquele era o sinal de partida, as quadrigas dispararam lado a lado e foram ganhando velocidade até à primeira curva, onde a branca e a azul se distanciaram das outras duas. Mas logo adiante voltaram a ficar lado a lado e os gritos da multidão redobraram. Ana hesitava entre arregalar os olhos para ver melhor o irmão ou tapá-los para não ver nada. Tinha medo de que ele caísse, tinha medo de que se magoasse, tinha quase a certeza de que ia perder e tinha pena de o ver perder. «Para que é que ele se meteu nisto!», pensou mordendo os dedos com tanta força que até fez sangue. «É sempre assim, dá comigo em doida!»

Outras Aventuras

  • \"Uma
  • \"Viagem
  • \"A