Uma Aventura

E outras coleções

Uma Aventura no Estádio

Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada

Arlindo Fagundes

Editorial Caminho
Coleção , n14
304 pp
sob consulta

Resumo/Apresentação

Naquele Inverno não foi só o Chico que se inscreveu para praticar desporto nas horas vagas, foram todos. Cada um escolheu sua modalidade e andavam delirantes com os treinos.
Não esperavam que uma torneira avariada nos corredores do estádio funcionasse como mola e os catapultasse para a mais estranha das conspirações. E também não esperavam que uma enguia eléctrica lhes pudesse dar ideias e que a grande ajuda viesse de um pombo-correio chamado Pascoal.

 

(ISBN) 9789722100137

Excerto do Livro

«Chico já estava na varanda e o João dentro do balde. — Estás pronto, pá? — Prontíssimo! — respondeu o João. De braço no ar, o Pedro fez o sinal combinado. O Chico começou imediatamente a dar à manivela, e o balde a subir. Lá dentro, o João oscilava, com um sorriso de orelha a orelha. — Isto é porreiro! Adoro andar de balde! O pior foi que, a poucos metros do chão, o mecanismo começou a fazer ruídos que era impossível não serem ouvidos no prédio! "Crinch... Crinch... Crinch..." — Pára! Chico, pára! — ordenou o Pedro em voz surda. O João ficou a baloiçar, entre o rés-do-chão e o primeiro andar. Ainda olhou para a janelinha que o Pedro assinalara com uma cruz, mas não. Dali, não conseguia entrar. — E agora, o que é que eu faço? — perguntou o Chico lá de cima. — Escondam-se! A ordem era fácil para todos, menos para o João que, por mais que se encolhesse, não cabia inteiro dentro do balde. — Já sei! — disse a Teresa — Nós resolvemos isto. Continuem...»

 

(in Uma Aventura no Estádio, pp. 112-114)